DESTAQUES
Pesquisar

“Eu, Daniel Blake”, filme faz uma crítica contundente ao governo britânico

Confira também a matéria especial com curiosidades sobre o filme.
Aqui está o trailer nacional do vencedor da Palma de Ouro no Festival de Cannes desse ano, “Eu, Daniel Blake”, do renomado diretor Ken Locah. O filme chega aos cinemas no dia 29 de dezembro.

A trama acompanha o personagem de Daniel Blake (Dave Johns), que sofre um ataque cardíaco e é desaconselhado pelos médicos a retornar ao trabalho. Ele busca receber os benefícios concedidos pelo governo a todos que estão nesta situação. Entretanto, Daniel esbarra na extrema burocracia instalada pelo sistema, amplificada pelo fato dele ser um analfabeto digital. Numa de suas várias idas a departamentos governamentais, ele conhece Katie (Hayley Squires), a mãe solteira de duas crianças, que se mudou recentemente para a cidade e também não possui condições financeiras para se manter. Após defendê-la, Daniel se aproxima de Katie e passa a ajudá-la.

Essa é a segunda vez que o diretor recebe a Palma de Ouro no Festival de Cannes, primeiro foi com ‘Ventos da Liberdade’ (2006). Conhecido por abordar temas sociais em seus filmes, Ken Loach já recebeu mais de 15 prêmios no Festival de Cannes, entre eles, 3 vezes o Grande Prêmio do Júri com ‘Agenda Secreta’ (1990), ‘Chuva de Prata’ (1993) e ‘Terra e Liberdade’ (1995), 6 vezes o Prêmio do Júri Ecumênico e 3 vezes o Prêmio da Crítica.





nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on ““Eu, Daniel Blake”, filme faz uma crítica contundente ao governo britânico

    Sua opinião é muito importante!