DESTAQUES
Pesquisar

Especial: 60 anos de Tom Hanks

O ator, produtor, roteirista e diretor Tom Hanks está completando 60 anos e o Película Criativa relembra os principais momentos de sua carreira!
No dia 9 de julho de 2016, um dos maiores astros de Hollywood completa 60 anos de idade. Estou falando de Thomas Jeffrey Hanks, mais conhecido pelo nome artístico de Tom Hanks, entrou para a história do cinema ao receber o Oscar de Melhor Ator por "Forrest Gump - O Contador de Histórias" (1995) e "Filadélfia" (1994).

O ator, produtor, roteirista e diretor nasceu em nos Estados Unidos, na cidade de Concord, Califórina. Ele começou a atuar no teatro na Universidade de Sacramento, também na Califórnia, mas fez várias aparições em diversas séries de televisão em Nova York, como "Family Ties" e "Happy Days".

Seu primeiro sucesso no cinema veio com a comédia romântica "Splash - Uma Sereia em Minha Vida" (1984), dirigida por Ron Howard. Ele aceitou o papel principal, que havia sido recusado por John Travolta, Bill Murray e Dudley Moore. O filme é um clássico da sessão da tarde, como vários filmes de Hanks, e conta a história de um empresário que se apaixona por uma sereia, interpretada por Daryl Hannah. 


Hanks recebeu 70 mil dólares pelo trabalho, mas a maior recompensa foi ter sido o protagonista de um dos filmes de maior sucesso da temporada. "Splash - Uma Sereia em Minha Vida" abriu as portas para inúmeros projetos nos anos seguintes, incluindo "Nada em Comum" (1986), "Um Dia a Casa Cai" (1986) e "Quero Ser Grande" (1988), este último lhe rendeu sua primeira indicação ao Oscar de Melhor Ator.

Após vários papéis cômicos no cinema, Hanks virou o jogo com "Filadélfia" (1994) ao interpretar um advogado homossexual que foi demitido de uma corporação por ser soropositivo. Ao lado de Denzel Washington, ele emocionou plateias do mundo inteiro e entregou a melhor atuação de sua carreira (também é a minha favorita) - Hanks recebeu vários prêmios por seu trabalho neste filme, inclusive o Oscar de Melhor Ator. 


No ano seguinte, ele estrelou o famoso "Forrest Gump - O Contador de Histórias", dirigido por Robert Zemeckis, e recebeu sua segunda estatueta do Oscar. Desde então, Hanks tornou-se um dos atores mais solicitados de Hollywood e um dos queridinhos absolutos do público.

Porém o ator também é conhecido por suas colaborações com Steven Spielberg. Ele trabalhou com o cineasta pela primeira vez em "O Resgate do Soldado Ryan" (1998), onde interpretou o capitão John H. Miller, encarregado de liderar um grupo de soldados americanos no resgate de um soldado. O filme foi um sucesso e recebeu 11 indicações ao Oscar, incluindo Melhor Ator para Hanks.


Novamente sob a direção de Zemeckis, Hanks emplacou outro sucesso no cinema com "O Naufrágo" (2001) e recebeu sua quinta indicação ao Oscar. No filme, ele vive um homem que é finalmente resgatado de uma ilha deserta e tenta voltar à civilização. No ano seguinte, Hanks voltou às telas para fazer o papel do mafioso Michael Sullivan em "Estrada para Perdição" (2002). No mesmo ano, ele interpretou um detetive do FBI em "Prenda-me Se For Capaz", de Steven Spielberg. No filme, seu personagem tenta capturar o falsificador Frank Abagnale Jr., interpretado por Leonardo DiCaprio.


Hanks e a mulher Rita Wilson também produziram a comédia romântica "Casamento Grego" (2002). Porém esta não foi a primeira vez que ele trabalhou atrás das câmeras: Hanks dirigiu e escreveu o longa musical "The Wonders - O Sonho Não Acabou" (1996). Ele ainda  produziu e dirigiu a minissérie da "Band of Brothers" (2002), onde voltou a trabalhar com Spielberg e teve a oportunidade de ter no elenco o seu filho Colin Hanks.

Em 2012, Hanks tornou-se o ator mais bem-sucedido de todos os tempos: seus filmes totalizaram mais de 4,2 bilhões de dólares nas bilheterias dos Estados Unidos e mais de 8,5 bilhões no exterior. Com uma carreira extensa e repleta de sucessos, não é difícil compreender porque Tom Hanks foi eleito pela quinta vez o astro de cinema favorito dos americanos. Na época, ele estava em cartaz nos cinemas com "Ponte dos Espiões" (2015), filme indicado a 6 Oscars.

*Dica para fãs: o canal Telecine Touch exibe dois filmes do astro na sessão "Dupla Emoção". A produção que abre a seleção neste sábado (09), às 16h20, é "Forrest Gump, O Contador de Histórias", que mostra a sensível história de Forrest (Tom Hanks), um garoto com o QI abaixo da média e como ele consegue superar suas dificuldades, realizando grandes conquistas na vida. Paralelamente, o longa acompanha os maiores acontecimentos da história americana no século passado, como a Guerra do Vietnã e o Escândalo de Watergate. O filme foi indicado ao Oscar em 13 categorias.

Em seguida, às 18h55, vai ao ar "O Resgate do Soldado Ryan". Durante a Segunda Guerra Mundial, no Desembarque da Normandia, episódio conhecido como "Dia D", o capitão Miller (Tom Hanks) recebe uma missão quase impossível. Acompanhado de mais sete combatentes, ele precisa encontrar o soldado James Ryan (Matt Damon), um dos homens de seu exército que está desaparecido. O longa concorreu a 11 estatuetas no Oscar.


Se você também curte o trabalho de Tom Hanks, participe com seu comentário: qual é o melhor filme do ator?



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


3 comentários on “Especial: 60 anos de Tom Hanks

    1. Grande Tom Hanks. O meu ator favorito das décadas de 80 e 90. Somente lhe desejo felicidades !!! Pois talento tem de sobra !!!

      ResponderExcluir
    2. Tom Hanks é simplesmente o melhor ator do cinema de todos os tempos.

      ResponderExcluir

    Sua opinião é muito importante!