DESTAQUES
Pesquisar

Especial: 5 filmes essenciais de Abbas Kiarostami que você precisa assistir

Não deixe de conferir esta retrospectiva com os principais filmes de Abbas Kiarostami.
Após a triste notícia do falecimento do cineasta iraniano Abbas Kiarostami (1940-2016), vítima de um câncer gastrointestinal, fiquei surpresa ao perceber que muitas pessoas ainda não conhecem o trabalho deste gênio da Sétima Arte. Por isso, quero destacar algumas de suas principais obras nesta "Retrospectiva Kiarostami" e também compartilhar com vocês meus filmes favoritos do diretor.

Antes de apresentar o Top 5, quero falar um pouco sobre a vida de Abbas Kiarostami. Nascido em 22 de junho de 1940, ele era formado em Belas-Artes pela Universidade de Teerã e fez sua estreia como diretor no curta "Nan va Koutcheh" (1970). Rapidamente, Kiarostami se destacou pela visão realista que oferecia sobre a sociedade iraniana. 

Em "O Viajante" (1974), ele construiu uma brilhante obra sobre um rapaz que abandona sua aldeia natal e percorre cerca de 500 km para ver um jogo de futebol em Teerã. Mas foi somente com o filme "Onde Fica a Casa do Meu Amigo?" (1987), que Kiarostami recebeu destaque internacional. 

Entre os principais trabalhos do cineasta está "Gosto de Cereja" (1999), ganhador o Leão de Ouro do Venice International Film Festival. Ele ainda foi indicado quatro vezes ao prêmio, por "Através das Oliveiras" (1994), "Dez" (2002) "Cópia fiel" (2010) e "Um alguém apaixonado" (2012). Kiarostami também ganhou o prêmio especial do júri por "O vento nos levará" (1999).

Ao lado de cineastas como Ashgar Farhadi, Jafar Panahi e Mohsen Makhmalbaf, Kiarostami levou a cultura iraniana para o mundo e falou abertamente sobre as dificuldades de viver no país. É preciso destacar que ele foi um dos poucos artistas de prestígio a permanecer no Irã após a Revolução Islâmica de 1979. 

Embora mantivesse residência na sua terra natal, o cineasta deslocava-se frequentemente para trabalhar na França, onde conseguia rodar suas obras sem as restrições da censura do regime iraniano. Muitos dos seus filmes são co-produções franco-iranianas e alguns sequer são conhecidos por parte da população no Irã.

Em março de 2016, Kiarostami buscou tratamento médico em Paris após receber o diagnóstico de câncer gastrointestinal. Ele passou por uma série de cirurgias no mês passado e faleceu nesta segunda-feira (04 de julho), aos 76 anos de idade. 

TOP 5 - OS FILMES ESSENCIAIS DE ABBAS KIAROSTAMI


5. Através das Oliveiras (1994)
Título original: Zire darakhatan zeyton

Uma pequena cidade no norte do Irã, devastada por um tremor de terra, recebe a visita de uma equipe de cinema que está produzindo um filme. Hossein (Hossein Rezai) e Tahere (Tahere Ladanian) interpretam um jovem casal, mas o ator, que está visivelmente apaixonado pela colega, tenta convencer Tahere que eles também devem se casar. Num longo plano-sequência, um persegue o outro através dos campos de oliveiras.


4. Cópia Fiel (2010)
Título original: Copie Conforme

James Miller (William Shimell) é um escritor inglês que vai a uma pequena cidade da Toscana apresentar seu livro sobre o valor da cópia na arte. Chegando lá, encontra Elle (Juliete Binoche), uma francesa que é dona de uma galeria de arte há muitos anos, que vive com seu filho pré-adolescente (Adrian Moore). Eles decidem passear pela cidade, onde embarcam num jogo: vão fingir ser um casal por um dia. Ao mesmo tempo em que vão se conhecendo, começam a desenvolver um complexo jogo de interpretação de personagens.


3. Gosto de Cereja (1997)
Título original: Ta'm e Guilass

Aos 50 anos o Sr. Badii percorre o interior do Irã à procura de alguém que o ajude a morrer, mas ele vive em uma sociedade onde o suicido é uma abominaçãoO primeiro candidato para a tarefa é um jovem soldado, mas ele acaba fugindo de Badii. O segundo homem é um seminarista, que dá uma palestra sobre o suicídio e culpa, mas não quer ajudar. O terceiro candidato é um velho professor que promete ajudá-lo, mas tenta convencer Badii do contrário.

2. Onde Fica a Casa do Meu Amigo (1987)
Título original: Khane-ye Doust Kodjast?

O garoto Ahmad, ao fazer seu dever de casa, percebe que pegou o caderno de seu amigo por engano. Sabendo que o professor exige que as tarefas sejam feitas no caderno, escapa das vistas de sua mãe e parte em busca do colega. Ele vai até uma vila nos arredores com o intuito de encontrá-lo para devolver o caderno.


1. Close-Up (1990)
Título original: Nema-ye Nazdik

Jovem cinéfilo apaixonado pelo trabalho do diretor iraniano Mohsen Makhmalbaf acaba preso ao se fazer passar pelo famoso diretor e vai a julgamento, acusado por uma família rica de falsidade ideológica, roubo e extorsão.



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “Especial: 5 filmes essenciais de Abbas Kiarostami que você precisa assistir

    Sua opinião é muito importante!