DESTAQUES
Pesquisar

Oito filmes vão representar o Brasil durante festivais internacionais em junho

ANCINE apoia a participação de oito filmes brasileiros em quatro festivais internacionais.
Em junho, oito obras audiovisuais brasileiras receberam marcam presença em festivais internacionais da França, Espanha, Alemanha e Rússia. As produções contam com o apoio da ANCINE, através do Programa de Apoio à Participação de Filmes Brasileiros em Festivais Internacionais e de Projetos de Obras Audiovisuais Brasileiras em Laboratórios e Workshops Internacionais que concede auxílios diversos dependendo da classificação de cada evento.

No Festival Internacional de Cinema de Animação de Annecy, o mais importante evento internacional dedicado ao gênero, que acontece entre os dias 13 e 18 de junho, na França, o curta “Caminho dos Gigantes”, de Alois Di Leo, está na disputa da Competição Oficial de Curtas-Metragens.

A 44ª edição do Festival Internacional de Filme de Huesca, que ocorre entre os dias 17 e 25 de junho na Espanha, contará com a participação de dois filmes: “Cylene”, de André Collazzi e Nara Sakarê, e “Paixão Nacional”, de Jandir Santin, ambos concorrendo na Mostra Competitiva de Curtas Latino-americanos. A participação brasileira na competição conta ainda com o filme “Rosinha”, de Gui Campos.

Na 34ª edição do Festival Internacional de Munique, que acontece de 23 de junho a 2 de julho, o Brasil está presente com três obras audiovisuais na Mostra Independente Internacional: “Ralé”, de Helena Ignez; “Orestes”, de Rodrigo Siqueira; e “O Prefeito”, de Bruno Safadi. Da mesma mostra participam também "A cidade onde envelheço", de Marília Rocha, e “Big Jato", de Cláudio Assis.

O festival alemão selecionou ainda outras quatro obras brasileiras em três seções: "Aquarius", de Kleber Mendonça Filho e "Mate-me por favor", de Anita Rocha da Silveira, participam da Competição Cinevision. "Cinema novo", de Eryk Rocha, recém premiado em Cannes, integra a programação da mostra Lights! Camera! Action!, e o curta “O melhor som do mundo”, de Pedro Paulo de Andrade, está na mostra Kinderfilmfest, dedicada ao público juvenil.  

Fechando a lista, dois filmes nacionais fazem parte da seleção do 38º Festival Internacional de Cinema de Moscou, que será realizado entre os dias 23 e 30 de junho. São eles: o longa-metragem “Quase memória”, de Ruy Guerra, que compete na Mostra Principal e o documentário “Espaço Além – Marina Abramovic e o Brasil”, de Marco Del Fiol, que concorre na Mostra Competitiva de Documentários.



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “Oito filmes vão representar o Brasil durante festivais internacionais em junho

    Sua opinião é muito importante!