DESTAQUES
Pesquisar

25 filmes brasileiros que chegam aos cinemas em 2016!

Um fato que merece destaque, é que entre os 25 filmes presentes na lista, 7 são dirigidos por mulheres.
Todo mundo sabe que 2015 foi um excelente ano para o cinema brasileiro, mas tudo indica que estamos diante de uma temporada ainda mais incrível. Entre as estreias de maior destaque estão "Mãe Só Há Uma", de Anna Muylaert, "Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo", de Afonso Poyart, e "Campo Grande", de  Sandra Kogut.

Glória Pires, Matheus Solano, José Loreto, Johnny Massaro, Denise Fraga, Paolla Oliveira, Mariana Ximenes, Bruna Linzmeyer, Chico Diaz e Eduardo Moscovis são alguns dos artistas que irão representar o cinema nacional em 2016 - confira abaixo o calendário com as principais estreias do ano.

MARÇO

1. Meu Amigo Hindu (Europa Filmes)

Dirigido por Hector Babenco - Diego (Willem Dafoe) é um cineasta diagnosticado com câncer terminal, cuja única chance de sobrevivência é se submeter a um transplante de medula óssea experimental, que apenas é realizado nos Estados Unidos. Assim, ele parte para Washington, mas antes decide se casar e se despedir dos amigos. Já no hospital, ele conhece um menino hindu de apenas oito anos, que também está internado. Logo Diego passa a vivenciar com ele aventuras fantasiosas, inspiradas no cinema, que ajudam a suportar a dura realidade que os cerca.


2. Zoom (Paris Filmes)

Dirigido por Pedro Morelli - Esta é a história de três artistas: Edward (Gael García Bernal), vaidoso diretor de cinema que precisa refilmar o final de um longa contra sua vontade e de repente começa a ter problemas sexuais. Michelle (Mariana Ximenes), modelo brasileira que deixa namorado e carreira nos Estados Unidos para voltar ao seu país e escrever um livro. E Emma (Alison Pill), que, desesperada para retirar seus implantes de silicone, recorre a meios duvidosos para ganhar um dinheiro extra.


3. Para Minha Amada Morta (Vitrine Filmes)

Dirigido por Aly Muritiba - Após a morte de sua esposa, o fotógrafo Fernando (Fernando Alves Pinto) torna-se um homem calado e introspectivo. Ele vive cercado de objetos pessoais da falecida até descobrir, em uma fita VHS, uma surpresa que coloca em dúvida o amor da esposa por ele. A partir de então Fernando decide investigar a verdade por trás destas imagens, desenvolvendo uma obsessão que consome seus dias e sua rotina.


ABRIL

4. A Frente Fria Que a Chuva Traz (Downtown Filmes)

Dirigido por Neville D'Almeida - Um grupo de jovens ricos alugam uma laje na favela carioca do vidigal para promover festas de arromba. Na porta, um segurança é responsável por impedir a entrada de moradores do morro e pessoas não convidadas. Uma frente fria impede que o grupo de jovens continuem a oferecer suas festas, tornando alguns conflitos e diferenças mais aparentes.


5. O Escaravelho do Diabo (Downtown Filmes)

Dirigido por Carlo Milani - A pequena cidade de Vale das Flores é marcada por um crime surpreendente: o jovem Hugo Maltese (Cirillo Luna) é encontrado morto com uma antiga espada encravada no peito. O detalhe é que, antes de morrer, ele recebeu uma estranha caixa com um escaravelho dentro. Logo outra vítima é morta, após receber uma caixa semelhante. O delegado Pimentel (Marcos Caruso) e o garoto Alberto Maltese (Thiago Rossetti) começam a buscar este assassino em série, que escolhe seu alvo com uma característica em particular: são todas pessoas ruivas legítimas.


6. Sinfonia da Necrópole (Vitrine Filmes)

Dirigido por Juliana Rojas - Deodato (Eduardo Gomes) é um aprendiz de coveiro não muito animado com a profissão. Sua rotina melhora quando Jaqueline (Luciana Paes) surge no cemitério. Funcionária do serviço funerário, ela inicia um levantamento sobre túmulos abandonados com a ajuda do rapaz. A paixão o impede de pedir demissão, mas estranhos eventos continuam a abalar seu estado psicológico


7. Deu Onde Eu Te Vejo (Warner Bros.)

Dirigido por Luiz Villaça - Ana Lúcia (Denise Fraga) e Fábio (Domingos Montagner) decidem se separar após vinte anos de casamento e ele se muda para um apartamento do outro lado da rua. Além da separação, eles passam por uma crise no trabalho e precisam enfrentar a iminente mudança de cidade da filha. Com todas essas mudanças, eles precisam aprender a viver essa nova realidade e reinventar o amor.


8. Em Nome da Lei (Fox Filmes)

Dirigido por Sergio Rezende - Vitor (Mateus Solano) é um jovem juiz federal recém-chegado na cidade de Fronteira, disposto a desmontar um esquema de contrabando e tráfico de drogas na região. Para prender Gomez (Chico Diaz), ele vai contar com a ajuda da procuradora Alice (Paolla Oliveira), por quem se apaixona, e da equipe do policial federal Elton (Eduardo Galvão).


9. Nise - O Coração da Loucura (Imagem Filmes)

Dirigido por Roberto Berliner - Ao voltar a trabalhar em um hospital psiquiátrico no subúrbio do Rio de Janeiro, após sair da prisão, a doutora Nise da Silveira (Gloria Pires) propõe uma nova forma de tratamento aos pacientes que sofrem da esquizofrenia, eliminando o eletrochoque e lobotomia. Seus colegas de trabalho discordam do seu meio de tratamento e a isolam, restando a ela assumir o abandonado Setor de Terapia Ocupacional, onde dá início a uma nova forma de lidar com os pacientes, através do amor e da arte.


MAIO

10. Amores Urbanos (Europa Filmes)

Dirigido por Vera Egito - Três amigos, Diego (Thiago Pethit), Júlia (Maria Laura Nogueira) e Micaela (Renata Gaspar) estão no auge de suas vidas, revelando suas personalidades, experimentando desilusões amorosas e procurando a carreira ideal. Eles moram no mesmo prédio de São Paulo e compartilham diariamente suas experiências, fracassos e conquistas. Rindo ou chorando, eles estarão juntos.


11. O Começo da Vida

Dirigido por Estela Renner - Uma análise aprofundada e um retrato apaixonado sobre os primeiros mil dias de um recém-nascido, o verdadeiro começo da vida de um ser humano, tempo considerado crucial pós-nascimento para o desenvolvimento saudável da criança, tanto na infância quanto na vida adulta, onde os pais precisam ter o maior cuidado, amor e carinho possível.


12. Prova de Coragem (Europa Filmes)

Dirigido por Roberto Gervitz - Hermano (Armando Babaioff) é um médico bem-sucedido que esta planejando uma escalada de alto risco em uma montanha na Terra do Fogo. Neste período, sua mulher Adri (Mariana Ximenes), com quem vive há sete anos, descobre que esta grávida. Mesmo na iminência de se tornar pai, ele dá prosseguimento a seus planos. Esta é a prova de coragem que Hermano deve a si mesmo após ter testemunhado seu melhor amigo ser agredido até a morte e não ter feito nada para ajudá-lo.


JUNHO

13. Mais Forte que o Mundo - A História de José Aldo (Downtown Filmes)

Dirigido por Afonso Poyart - José Aldo (José Loreto), forte rapaz de família pobre, marcada pela violência doméstica, deixa o Amazonas e parte para o Rio de Janeiro em busca de uma chance como atleta. Para vencer os oponentes no octógono, porém, ele terá antes que acertar suas contas com o passado e superar velhos traumas. Cinebiografia do lutador amazonense que se tornou o primeiro campeão peso-pena do UFC.


14. Porta dos Fundos - Contrato Vitalício (Paris Filmes)

Dirigido por Ian SBF - Miguel e Rodrigo são dois amigos que costumam realizar filmes juntos. Certa ocasião, um de seus filmes ganha um prêmio importante em um festival internacional. Animados com a premiação, os dois saem para comemorar e Rodrigo assina, em um guardanapo de bar, um contrato vitalício que garante que ele estaria em todos os filmes de Miguel dali para frente. No entanto, Miguel desaparece e só retorna dez anos depois; quando reaparece, ele leva para Rodrigo, agora um ator consagrado, a proposta de um filme insano que pode destruir a carreira e a vida do ator.


15. O Outro Lado do Paraíso (Europa Filmes)

Dirigido por André Ristum - Antônio (Eduardo Moscovis) faz o que pode para conseguir dinheiro para o sustento do lar. Já tentou garimpo, bicos diversos, e agora pensa ter encontrado finalmente seu lugar: Brasília. Atraído pelas promessas do presidente João Goulart e pela ampla oferta de emprego, ele se muda para a capital com a esposa e os filhos. O sonho da prosperidade, no entanto, é interrompido pelo golpe militar e Antônio, envolvido com o sindicalismo, começa a viver um pesadelo.


16. Campo Grande (Imovision)

Dirigido por Sandra Kogut - Regina (Carla Ribas) é mulher de 50 anos que mora na privilegiada Zona Sul do Rio de Janeiro. Certo dia, ela encontra na sua porta Rayane (Rayane do Amaral), uma menina de cinco anos que claramente não é da região, e Ygor (Ygor Manoel), seu irmão mais novo. A garota explica que a mãe pediu que eles a esperassem no mesmo lugar até ela voltar. Regina, sem saber o que fazer, pensa em levá-los ao orfanato, mas é convencida pela filha adolescente de deixá-los passar a noite. Assustados com a imensidão da casa, os dois ficam juntos e Regina percebe que eles só possuem um ao outro. Decidida a ajudá-los a encontrar sua família, Regina tem contato com um mundo que não conhecia.


17. Pequeno Segredo (Diamond Films)

Dirigido por David Schürmann - Três histórias conectadas por um único segredo, abrangendo a primeira família brasileira a dar a volta ao mundo a bordo de um veleiro. Conhecidos por seus cruzamentos marítimos, os Schurmann guardaram por um longo tempo, a comovente história da adoção de Kat, falecida em 2006.



JULHO

18. Tudo Bem Quando Acaba Bem (Imagem Filmes)

Dirigido por José Eduardo Belmonte - Afonso (Fábio Assunção) é um professor universitário separado, que vive com o filho Benedito (João Assunção). Um dia, eles resolvem fazer uma viagem juntos, mas enfrentam problemas quando o carro deles quebra. Eles são ajudados por quatro operadoras de telemarketing muito bonitas, que os levam de volta a São Paulo. Só que Afonso acaba se apaixonando pela líder delas (Ingrid Guimarães).



AGOSTO

19. O Roubo da Taça (Downtown Filmes)

Dirigido por Caíto Ortiz - Baseado no caso real do roubo da Taça Jules Rimet, entregue aos campeões da Copa do Mundo. Peralta é um simples corretor de seguros que começa a sofrer pressões de todos os lados. Em casa, sua namorada Dolores dá um ultimato: é casamento ou fim de papo. Por outro lado, suas dívidas que se amontoaram rapidamente, começam a ser cobradas. Quando tudo parece perdido, uma brilhante ideia cruza a cabeça de Peralta: um plano que vai resolver todos os seus problemas. Com a ajuda de seu amigo Borracha, um sujeito nada inteligente, Peralta decide roubar a Taça Jules Rimet de dentro dos cofres da CBF (Confederação Brasileira de Futebol).



SETEMBRO

20. Mãe Só Há Uma (Vitrine Filmes)

Dirigido por Anna Muylaert - Pierre descobre que sua família não é biológica quando a polícia prende sua mãe. Confuso, ele vai atrás de seus parentes verdadeiros, que o conhecem como Felipe, e a nova realidade faz com que o rapaz encontre finalmente sua real identidade.



21. Talvez Uma História de Amor (Warner Bros)

Dirigido por Rodrigo Bernardo - Baseado no romance homônimo do autor francês Martin Page. Quando chega em casa, após mais um dia corriqueiro no trabalho, Virgílio (Mateus Solano) liga a secretária eletrônica e ouve um recado perturbador. É uma mensagem de Clara, comunicando o término do relacionamento dos dois. Virgílio, então, entra em choque e ouve repetidamente a mensagem, buscando algum sentido. O término não é o problema; o problema é que Virgílio, solteiro, não faz a menor ideia de quem seja Clara.



22. Um Homem Só (Downtown Filmes)

Dirigido por Cláudia Jouvin - Arnaldo (Vladimir Brichta) é um homem que esta infeliz no casamento e no trabalho. Para tentar resolver seus problemas, ele procura uma clínica que promete copiar as pessoas para livrá-las da vida miserável que levam. Com um clone ocupando seu lugar ele poderia começar uma vida nova, mas seu pedido é negado. Assim, Arnaldo se vê obrigado a mudar sua história por conta própria.



23. Um Namorado Para Minha Mulher (Downtown Filmes)

Dirigido por Julia Rezende - Cansado das reclamações da esposa, homem contrata um sedutor profissional para conquistá-la e tornar-se seu amante. Versão brasileira do argentino Um Namorado Para Minha Esposa (2008), dirigido por Juan Taratuto.



OUTUBRO

24. Se a Vida Começasse Agora (Imagem Filmes)

Dirigido por Alexandre Klemperer - Um empresário (Marcelo Serrado) está tentando a todo custo criar o maior festival de música do Brasil, o Rock in Rio, reunindo fundos para o projeto. Ao mesmo tempo, um jornalista inexperiente (Caio Castro) conquista a possibilidade de acompanhar um grande evento musical. No local, ele conhece a bela Magda (Sophia Abrahão), uma grande fã de Freddie Mercury. Os caminhos dos três se cruzam ao longo de várias edições do Rock in Rio.



AINDA SEM PREVISÃO:

25. O Filme da Minha Vida 

Dirigido por Selton Mello - O jovem Tony (Johnny Massaro) decide retornar a Remanso, Serra Gaúcha, sua cidade natal. Ao chegar, ele descobre que Nicolas (Vincent Cassel), seu pai, voltou para França alegando sentir falta dos amigos e do país de origem. Tony acaba tornando-se professor, e vê-se em meio aos conflitos e inexperiências juvenis. 




nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “25 filmes brasileiros que chegam aos cinemas em 2016!

    Sua opinião é muito importante!