DESTAQUES
Pesquisar

A pergunta que não quer calar: quem vai levar o Oscar em 2016?

Chegou a hora de fazer as aposta do Oscar 2016. Confira abaixo!
O mistério que está causando tanta ansiedade em todos os cinéfilos está chegando ao fim. Afinal, quais produções e artistas serão premiados na grande noite do cinema internacional? A entrega do prêmio da Academia acontece neste domingo (28), e será comandada pelo ator e comediante Chris Rock - confira a lista completa de indicados.

Com oito produções indicadas na categoria principal (veja algumas curiosidades sobre cada filme), há quem diga que a corrida pelo Oscar nunca foi tão fraca. Concordo que a Academia não está atravessando por um momento positivo e que não é mais tão famosa por seus acertos, mas também acho que nunca foi tão complicado prever o que vai acontecer na noite do Oscar.

É claro que algumas vitórias já estão lacradas e não apresentam mistério algum, como Leonardo DiCaprio (O Regresso) e Brie Larson (O Quarto de Jack). Mas a Academia pode reservar surpresas agradáveis e desagradáveis nas demais categorias. Por isso, vou tentar desvendar as disputas mais acirradas do ano para ninguém fazer feio no bolão do Oscar.

Veja também: O que esperar de Chris Rock no comando do Oscars 2016?
Indicados ao Oscar 2016 que já trabalharam juntos em outros filmes

CATEGORIA: MELHOR FILME


Primeiramente é preciso listar alguns fatos antes de lançar minhas apostas finais. Curiosamente os principais concorrentes ao Oscar de Melhor Filme são baseados em histórias reais. "Spotlight - Segredos Revelados" venceu o SAG Awards na categoria de Melhor Elenco, enquanto "O Regresso" não foi indicado ao prêmio do Sindicato dos Atores. Também é preciso levar em consideração que as pessoas que votam no SAG representam a maioria dos membros da Academia. 

Outro forte concorrente é "A Grande Aposta" (The Big Short), vencedor do PGA, um dos maiores termômetros do Oscar, e também do prêmio de Melhor Roteiro Adaptado no BAFTA e WGA.

Mesmo assim, o favorito do ano é "O Regresso" (The Revenant), um filme que não é famoso por seus diálogos e sim por sua direção espetacular. O longa é líder em indicações (12 categorias), mas seu roteiro não está concorrendo ao OscarHistoricamente falando, "Titanic", "A Noviça Rebelde" e "Hamlet" foram os únicos que receberam o prêmio de Melhor Filme, mesmo sem reconhecimento nas categorias de roteiro. 

Quem vai ganhar?
Minha aposta ainda é em "O Regresso" de Alejandro G. Iñárritu. O filme está vivendo um momento muito positivo e Hollywood adora um épico de sobrevivência, especialmente quando ele apresenta imagens viscerais e é estrelado por Leonardo DiCaprio. Será difícil a Academia ignorar o peso deste filme, que faturou mais de $165 milhões de bilheteria. 


Quem merece ganhar?
Eu realmente estou dividida nesta temporada, mas acredito que "Spotlight - Segredos Revelados" se destacou através de um roteiro brilhante e do esforço coletivo. O filme não possui o mesmo impacto visual de "O Regresso", mas sua sutileza é tão admirável e emocionante quanto a saga de um homem lutando pela sobrevivência em condições extremas.


Quem pode surpreender?
Um filme que promete ganhar muitos votos é "A Grande Aposta" (The Big Short). Além de apresentar com bom humor a crise que abalou os Estados Unidos (e consequentemente os mercados mundiais), o filme venceu o Producer's Guild Awards. Se for levar em consideração o histórico da Academia, também é raro um ver um filme ganhar o Oscar sem levar o prêmio do PGA no mesmo ano.

Especial - As estrelas do Oscar e seus piores filmes 

CATEGORIA: MELHOR DIRETOR


Nenhum diretor já viu 2 de seus filmes ganhar o prêmio principal em sequência. Mas como o momento está favorável para "O Regresso", tudo indica que Alejandro G. Iñárritu vai tornar-se o primeiro a conseguir esta façanha. Ele também venceu o prêmio do Sindicato dos Diretores (DGA). Estatísticas não são regras rígidas, mas são boas ferramentas de previsão.

Quem vai ganhar?
Minha aposta final é no mexicano Alejandro G. Iñárritu, pois não acredito que a Academia vai se dividir entre Melhor Filme e Diretor. A minha conclusão é bem simples: se Hollywood tivesse abraçado "A Grande Aposta" e "Spotlight - Segredos Revelados", eles teriam recebido mais prêmios de sindicatos, e também marcariam maior presença dentro do Oscar. 

Quem merece ganhar?
Apesar de "Mad Max - Estrada da Fúria" não ser um dos meus grandes favoritos da temporada, é preciso reconhecer o trabalho espetacular de George Miller. É muito louco pensar que mais de 80% dos efeitos visuais do filme foram realizados apenas com o uso de dublês, maquiagem e cenários. 

Quem pode surpreender?
Como Tom McCarthy também dirigiu o terrível "Trocando os pés" (The Cobbler), não vejo a possibilidade de "Spotlight - Segredos Revelados" surpreender nesta categoria. Mas "A Grande Aposta" continua a chamar muita atenção por sua montagem e direção, o que não torna a vitória de Adam McKay completamente impossível.
CATEGORIA: MELHOR ATOR


É engraçado como algumas pessoas que sempre torceram por Leonardo DiCaprio estão contra o ator nesta temporada. Muitos ainda não superaram o fato que ele perdeu o Oscar por "O Lobo de Wall Street" e dizem que estará recebendo o prêmio pelo filme errado. Não posso concordar com isso, pois nunca vi DiCaprio tão comprometido com um papel, nem mesmo no longa de Martin Scorsese.

Quem vai ganhar e quem merece ganhar?
Leonardo DiCaprio quase estrelou a nova cinebiografia de "Steve Jobs". O papel ficou com Michael Fassbender, que também deu um show de interpretação e está indicado ao Oscar. Mas ninguém sofreu tanto em nome da arte quanto DiCaprio: ele precisou comer fígado cru de bisonte, dormir em uma carcaça de animal, e suportar condições climáticas extremas durante as filmagens.

Quem pode surpreender?
Ninguém!
CATEGORIA: MELHOR ATRIZ


A Academia também adora uma boa história de superação e Brie Larson é a prova disso. A jovem de 27 anos de idade lutou para ser aceita em Hollywood e revelou que enfrentou muita rejeição. Mas agora ela está aqui e é a grande favorita ao prêmio. Nem a poderosa Cate Blanchett ameaça sua vitória.

Quem vai ganhar e merece ganhar?
Brie Larson é uma das revelações do ano e está vivendo quase um conto de fadas moderno. A atriz emocionou o público, ao lado de Jacob Tremblay, em "O Quarto de Jack". Ela surpreendeu com tamanha entrega e naturalidade. 

Quem pode surpreender?
Ninguém!

MELHOR ATOR COADJUVANTE


Esta categoria está aberta para surpresas, considerando que Sylvester Stallone não foi indicado ao SAG Awards e ao BAFTA. Mark Ruffalo e Mark Rylance estão bem próximos dele e podem apresentar perigo.

Quem vai ganhar?
Quem diria, mas Sylvester Stallone é o grande favorito por "Creed: Nascido Para Lutar". O filme é realmente muito bom e emocionante, mas também é um verdadeiro presente para quem é fã de Rocky. O personagem que ficou conhecido pela força física, agora aparece debilitado, lutando contra uma grave doença e passando adiante seus conhecimentos.

Quem merece ganhar?
Como os meus favoritos do ano não estão indicados (Jacob Tremblay e Idris Elba), fico dividida entre Mark Ruffalo e Sylvester Stallone.

Quem pode surpreender?
Mark Ruffalo conseguiu se destacar em meio de um roteiro de alto nível e foi responsável por alguns dos momentos mais dramáticos de "Spotlight - Segredos Revelados".

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE


É uma das disputas mais acirradas desta edição e está entre Alicia Vikander e Kate Winslet. Sinto em dizer, mas se você ainda acredita na vitória de Rooney Mara, é melhor ir se preparando para o resultado. Na verdade "Carol" é favorito somente na categoria de Melhor Figurino.

Quem vai ganhar?
O momento certamente está favorável para a nova queridinha de Hollywood, Alicia Vikander. Ela é uma das grandes revelações do ano e conseguiu roubar a cena em "A Garota Dinamarquesa" com uma performance emocionante, muito além de Eddie Redmayne. 

Quem merece ganhar?
Kate Winslet é a minha favorita do ano, pois além de ter dominado com maestria os extensos diálogos de Aaron Sorkin, ela formou uma bela parceria com Michael Fassbender

Apesar de uma ótima performance, não acho que Vikander merece a estatueta, pois ela não é uma coadjuvante em "A Garota Dinamarquesa". Este também é o caso de Rooney Mara em "Carol". É uma grande injustiça que os estúdios cometem para promover suas candidatas a qualquer custo e a Academia permite esta situação, assim fica difícil para as candidatas que respeitam suas categorias.

Quem pode surpreender:
A performance incrível de Jennifer Jason Leigh em "Os Oito Odiados" foi infelizmente ofuscada pelas indicações de Vikander e Mara. Por mim, ela merece disputar voto por voto com Winslet.

MELHOR ROTEIRO ADAPTADO: "A Grande Aposta"
MELHOR ROTEIRO ORIGINAL: "Spotlight - Segredos Revelados"
MELHOR ANIMAÇÃO: "Divertida mente"
MELHOR FILME ESTRANGEIRO: "O filho de Saul" (Hungria)
MELHOR TRILHA SONORA: "Os 8 odiados"
MELHOR CANÇAO ORIGINAL: "Til it happens to you", Lady Gaga ("The hunting ground")
MELHOR DESIGN DE PRODUÇÃO: "Mad Max - Estrada da Fúria"
MELHOR FOTOGRAFIA: "O Regresso"
MELHOR FIGURINO: "Carol"
MELHOR CABELO E MAQUIAGEM: "Mad Max - Estrada da Fúria"
MELHOR EFEITOS VISUAIS: "Mad Max - Estrada da Fúria"
MELHOR MONTAGEM: "Mad Max - Estrada da Fúria"
MELHOR MIXAGEM DE SOM: "Mad Max - Estrada da Fúria" 
MELHOR EDIÇAO DE SOM: "Mad Max - Estrada da Fúria"
MELHOR CURTA ANIMADO: "World of Tomorrow"
MELHOR CURTA DE LIVE ACTION: "Shok"
MELHOR DOCUMENTÁRIO DE CURTA-METRAGEM: "A Girl in the River: The Price of forgiveness"

Esses são os meus palpites, quais são os seus?



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “A pergunta que não quer calar: quem vai levar o Oscar em 2016?

    Sua opinião é muito importante!