DESTAQUES
Pesquisar

"A Floresta que Se Move", longa de Vinícius Coimbra, chega aos cinemas em novembro de 2015

Com previsão de estreia em 5 de novembro, o longa marca o retorno de Ana Paula Arósio às telas de cinema. 
Em um ano marcado pelo sucesso das produções brasileiras, "A Floresta que Se Move" chega aos cinemas após sua passagem pelo Festival do Rio. Afastada da televisão desde 2010, Ana Paula Arósio é a protagonista do longa, ao lado de Gabriel Braga Nunes.

Na trama, Elias (Gabriel Braga Nunes) é um executivo bem-sucedido que trabalha em um dos maiores bancos privados do Brasil. Ele teve todas as oportunidades de sua vida profissional dadas por Heitor (Nelson Xavier), presidente do banco. 

Na volta de uma viagem de negócios, chegando ao banco, Elias se depara com uma bordadeira misteriosa (Juliana Carneiro da Cunha) que lhe cumprimenta pelo nome e diz que ele se tornará vice-presidente ainda naquele dia e presidente do banco, no dia seguinte. Muito impressionado, Elias conta a história à Clara (Ana Paula Arósio), sua linda e poderosa esposa. Clara, instigada pelas previsões, sugere que seu marido convide Heitor para jantar em casa naquela noite.

A roda da fortuna é fatalmente ativada e uma sequência de assassinatos é perpetrada pelo casal, deixando um rastro de sangue em seu caminho para o poder e tornando-os algozes e vítimas de seus próprios destinos.

Esta é a história de "A Floresta que se Move", filme de Vinícius Coimbra livremente inspirado na tragédia Macbeth, de William Shakespeare. Além da direção, Vinícius também é responsável pelo roteiro, em parceria com Manuela Dias. A produção é da Eh! Filmes, de Elisa Tolomelli em coprodução com a Globo Filmes.

O longa tem previsão de estreia em 5 de novembro de 2015.


Vinícius Coimbra
Diretor e roteirista, nascido em Niterói (RJ) em 1971, começou na área cinematográfica como assistente de direção do longa “Central do Brasil” (1998), de Walter Salles, e A hora mágica (1998), de Guilherme de Almeida Prado. Em 2001, foi trabalhar com o diretor Denis Carvalho como assistente de direção da novela Um anjo caiu do céu, na TV Globo. Passou, então, a se dedicar às novelas e minisséries como “JK” (2006), de Maria Adelaide Amaral, Alcides Nogueira e Geraldo Carneiro, “Celebridade” (2003), de Gilberto Braga, “Paraíso Tropical” (2007), de Gilberto Braga e Ricardo Linhares, entre outras, até chegar ao cargo de diretor-geral. Em 2013, o diretor foi premiado com o Emmy Awards pela novela Lado a Lado.

Voltou à atividade cinematográfica em 2011, dirigindo o longa-metragem "A Hora e a Vez de Augusto Matraga", baseado na obra de Guimarães Rosa, e lançado no Festival do Rio. O filme foi o grande vencedor da mostra, com os prêmios de melhor filme pelo júri oficial e voto popular, melhor ator para João Miguel, ator coadjuvante para José Wilker e um Prêmio Especial do Júri para Chico Anysio, que fez uma participação especial.



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “"A Floresta que Se Move", longa de Vinícius Coimbra, chega aos cinemas em novembro de 2015

    Sua opinião é muito importante!