DESTAQUES
Pesquisar

Retrospectiva 2014 - As resenhas de filmes mais acessadas do ano

O blog está em clima de retrospectiva! Nada mais justo fazer uma seleção especial com as resenhas mais acessadas pelos nossos leitores em 2014. Gostaria de agradecer a sua visita e aqueles que sempre deixam comentários aqui no blog.

TOP 10 - AS RESENHAS MAIS ACESSADAS DE 2014:


O modo como este filme foi desenhado mostra a preocupação de James Gray em realizar trabalhos autênticos. O cineasta, que co-escreveu o roteiro com Ric Menello, desenvolve um panorama complexo, da degradação e corrupção dos cortiços da região do Lower East Side. O filme começa de forma promissora. Nos primeiros momentos, "A Imigrante" parece ser um drama intrigante, onde Marion Cotillard domina o centro do palco com sua personagem.


Os efeitos especiais são o maior trunfo de "A Bela e A Fera", mas também são a sua maldição. Com um visual tão espetacular, as falhas ficaram ainda mais evidentes. Só para começar, a narrativa não ganhou a mesma qualidade. Gans depende do conhecimento prévio do espectador para preencher as lacunas que o roteiro não conseguiu trabalhar.


“Chef” proporciona uma experiência agradável e leva o espectador em uma viagem gastronômica pelos Estados Unidos. Sem grandes pretensões, o filme é uma comédia simpática, charmosa e possui um elenco engajado, que realiza participações pontuais ao decorrer de seus 114 minutos.


Pensando em todos os desafios que Michael Fassbender enfrentou ao longo da carreira, nada pode ser comparado com seu trabalho em "Frank". Ele foi obrigado a falar com o seu corpo. Os seus trejeitos e a sua mania de descrever o que acontece por trás da máscara gerou momentos de pura diversão.


Como sempre, o mundo pitoresco de Wes Anderson foi criado para parecer uma maquete perfeita, que alimenta os sonhos de quem é fã dessa estética minimalista. O grande hotel Budapeste é um resort excêntrico, com lindos salões e corredores majestosos. O cenário segue a ideia de uma incrível casa de bonecas, cheia de cômodos coloridos, personagens, histórias, diversão, confusões e mistérios. 


“Boyhood” leva o espectador em uma jornada repleta de emoções, capturando a alegria, as dores e a magia da infância. O filme é um modelo de realismo cinematográfico e permanecerá na história como uma das grandes referências. O meu destaque vai para a coragem de Richard Linklater em realizar um projeto tão ambicioso. 


Com uma sinopse pouco atraente, "Mesmo se Nada Der Certo" conquista o nosso coração com uma ótima narrativa e grandes atuações. John Carney (Apenas Uma Vez) provou novamente a sua capacidade de transformar um tema extremamente conhecido em algo original. Ele tem um olhar preciso, consegue apresentar ângulos diferentes e mantém o espectador conectado ao filme. 


"Paixão Inocente" mexe com a ideia da tentação e mostra o protagonista sofrendo uma crise de meia idade. Esse tema já foi bastante explorado no cinema, mas o filme consegue se destacar entre os demais pela sutileza de suas performances e sua recusa de se transformar em um retrato sobre o adultério e suas consequências. 


É muito difícil analisar “Em Transe” sem entregar detalhes fundamentais da trama. O filme é repleto de predadores e o nome da protagonista (Drª Lamb) representa muito bem essa ironia. Ele possui três personagens principais, que dividem a responsabilidade em diferentes momentos da história. Mas é muito difícil simpatizar com as situações que cada um deles vive na trama. O gângster Franck é o único personagem lúcido durante todo o trajeto e ele descobre, ao lado do espectador, todas as surpresas que o filme guarda a sete chaves.


Você será transportado para a Inglaterra do século XVIII. A história real da personagem e o início da saga pela abolição da escravidão vai fazer muitos pesquisarem sobre o assunto. Em segundo plano, o filme mostra o Ministro da Justiça da Inglaterra e a sua decisão sobre o caso do navio de escravos Zong, que terminou em tragédia. 



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


0 comentários on “Retrospectiva 2014 - As resenhas de filmes mais acessadas do ano

    Sua opinião é muito importante!