DESTAQUES
Pesquisar

Crítica: The Whistleblower - A Informante (2010)

Rachel Weisz carrega drama ambientado na Bósnia com muita competência.

"A Informante" (The Whistleblower) narra a história verídica de Kathryn Bolkovac, uma ex-policial que aceitou trabalhar em uma missão de paz e foi demitida por expor o envolvimento dos agentes da ONU no tráfico sexual durante o período de conflito na Bósnia. O filme entrou no circuito internacional durante a última edição do TIFF (Toronto International Film Festival), mas foi lançado ao público somente no 2º semestre de 2011. Rachel Weisz, Monica Bellucci, Vanessa Redgrave e David Strathairn fazem parte do elenco.
Suspenses políticos estão ficando cada vez mais comum no cinema atual e bons filmes do gênero estão cada vez mais raros. "A Informante" é um filme sem muitas ambições e apresenta uma proposta muito clara, trata-se de um tema sensível, real e objetivo. Essas características estão presentes na direção de Larysa Kondracki, que deixa o roteiro fluir livremente e procura enfatizar cenas sombrias e muito sensíveis. Apesar da sua direção ser aparentemente competente, na minha opinião, faltou um ritmo mais intrigante para a deixar a história mais envolvente.


A sorte de Larysa Kondracki foi deixar todo o impacto do filme nas costas de Rachel Weisz, que demonstra firmeza e entrega uma atuação digna de prêmios. Sempre fui fã do trabalho dessa atriz e vejo ela amadurecer nas telas em cada filme que estrela. Weisz demonstrou muito entusiasmo ao interpretar uma mulher comum, que luta sozinha por uma causa e consegue fazer a diferença. 

O filme consegue demonstrar com muita veracidade o tema de tráfico humano, aproveitando-se do cenário da Bósnia em seu período pós-guerra. Certamente vale a pena conferir "A Informante", o filme tem todos os ingredientes de um bom drama político. 



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


5 comentários on “Crítica: The Whistleblower - A Informante (2010)

    1. Esse chegará em 1 de setembro nos cinemas ... tentarei conferir!

      ResponderExcluir
    2. A sinopse não me interessou muito, se eu for ver será muito mais pelo elenco.

      ResponderExcluir
    3. Não sou muito fã de drama político, mas fiquei afim de conferir este ;)

      ResponderExcluir
    4. Um gênero que eu particularmente aprecio muito, do qual, aparentemente, tinha-se perdido a fórmula desde que John Frankenheimer saiu de cena. Mas os recentes "O Escritor Fantasma", de Polanski, e "Fair Game", de Doug Liman, mostraram que ainda há esperanças para o gênero. Espero que este siga a mesma tendência.

      ResponderExcluir
    5. Bom filme. Como escrevi lá no meu blog, esse filme vale muito a pena! O foda é saber que ainda existe tanta coisa assim no pós guerra

      ResponderExcluir

    Sua opinião é muito importante!