DESTAQUES
Pesquisar

Leia a resenha de "Devdas", um grande clássico do cinema indiano


Na indústria cinematográfica onde o beijo é visto com maus olhos e a música é fundamental para conquistar o público, Bollywood está ganhando cada vez mais espaço com filmes que proporcionam uma experiência única ao espectador.   

Colorido e muito divertido, o cinema indiano possui um número absurdo de lançamentos anuais, ultrapassando até a indústria norte-americana. É costume do povo indiano celebrar o cinema nacional. Seus astros são venerados e a população abraça cada lançamento com muita paixão.

“Devdas” é a maior exportação cinematográfica de Bollywood. Em 2002, o filme foi consagrado no Festival Internacional de Cinema de Cannes. Aishwarya Rai e Shah Rukh Khan são os protagonistas dessa versão indiana de “Romeo & Julieta” e ainda são considerados como os deuses do cinema contemporâneo na Índia.

No filme, Devdas e Paro são vizinhos e passaram a grande parte de sua infância juntos. Mas ao longo dos anos, o amor do casal é ignorado por suas famílias, que começam a planejar seus casamentos. O desentendimento entre as famílias de Devdas e Paro resulta em uma trágica história de amor, onde ela é obrigada a se casar com um homem mais velho e muito rico, deixando Devdas à beira da perdição.

 
O cinema feito por Bollywood não é popular no Brasil. É preciso quebrar muitos preconceitos para que o espectador ocidental aprecie o cinema indiano por suas peculiaridades. “Devdas” é o filme ideal para quem deseja mergulhar em uma experiência bollywoodiana. O filme captura a magia dos musicais indianos, transformando-se em um clássico do cinema internacional.

Com 185 minutos de duração, “Devdas” é um épico do cinema indiano. O filme possui cenários exuberantes, que tiram o fôlego de qualquer cinéfilo. Seus figurinos também são luxuosos e valorizados por belas seqüências de danças indianas. A exuberância de “Devdas” é avassaladora, formando a moldura perfeita para histórias de amores impossíveis. O filme é uma obra de arte, onde cada cena foi construída com muita inspiração e respeito pelos costumes indianos.  
 
A direção é de Sanjay Leela Bhansali, um cineasta de prestígio na Índia e responsável por grandes sucessos. “Devdas” é um filme rico em detalhes e para ser observado com muita atenção. Com o apoio de uma fotografia maravilhosa, o filme deixa uma mistura doce e amarga no espectador, que é conduzido à loucura com o desfecho desse épico do gênero musical.


Os atores indianos enfrentam um desafio triplo no cinema: precisam cantar, dançar e atuar com muita convicção. Aishwarya Rai e Shah Rukh Khan cativam a platéia com seus personagens atormentados pela separação. Khan, o “Tom Cruise” do cinema indiano, é o galã mais imperfeito em “Devdas”. Bêbado e atormentado, seu personagem causa a maior empatia com o público, que torce desesperadamente por um final feliz. 

Aishwarya Rai é considerada a mulher mais bela do mundo e também possui o título de Miss Universo. Mas quem pensa que Rai não sabe atuar, vai se surpreender com "Devdas". Paro é a personagem mais adorada pelos indianos, símbolo de feminilidade e coragem.

Por trás de uma trama de amor impossível e restrições sociais, “Devdas” possui um final extremamente comovente e inesquecível. Além de ser um grande clássico internacional, o filme é uma ótima opção para aqueles que não conhecem o cinema indiano e estão à procura de uma nova experiência cinematrográfica.

video
Devdas - Trailer (2002)



nanomag

Publicitária, cinéfila e blogueira nas horas vagas. Vivo em Curitiba, sou formada em Comunicação Social - Publicidade e Propaganda e membro da Sociedade Brasileira de Blogueiros Cinéfilos.


6 comentários on “Leia a resenha de "Devdas", um grande clássico do cinema indiano

    1. taí, nunca vi um filme indiano. curiosidade á mil!

      ResponderExcluir
    2. Eh aquele discurso que eu vivo fazendo: existe vida integinete fora de Hollywood

      ResponderExcluir
    3. Eu mesmo não nego que não gosto de Devdas, sobretudo pelo excessivo dramalhão, que não faz meu gênero. MAS, jamais deixo de recomendar esse filme aos meus leitores, porque o considero o suprassumo do que Bollywood é capaz de fazer em termos de cenário, músicas, coreografias, enfim. Foi a maior superprodução indiana até então e isso tem todos os seus méritos. :)

      ResponderExcluir
    4. eu nunca assisti um filme indiano, mas sempre tive curiosidade, o problema é achar um filme desses para alugar por aqui...

      Agora fiquei mais curiosa ainda, gosto de cinema com visual colorido e marcante.

      ResponderExcluir
    5. Obrigada pela dica!
      Entrou para minha lista (o filme e o blog, hehehe)

      Parabéns!

      ResponderExcluir
    6. eu gosto muito de filmes indianos...recomendo ASOKA foi o primeiro que asisti é lindo!

      ResponderExcluir

    Sua opinião é muito importante!